quarta-feira, 6 de abril de 2011

Passagem secreta na Estação Sé




Para quem gosta de curiosidades, aí vai uma.
Todos sabemos que na cidade de São Paulo existem vários segredos, passagens secretas, símbolos oriundos de todo tipo de crença etc. Mas um dos segredos que eu tenho certeza que nunca ninguém desvendou são os do Metrô.
Só temos uma visão do caminho dos trilhos através dos vidros dos trens do Metrô. E há algum tempo venho tendo curiosidades a respeito dos túneis. Minha maior intriga era saber como os trens da linha azul (sul) vinham parar na linha vermelha (leste). Tive milhões de pensamentos para desvendar essa dúvida, tais como: carretas carregando os trens até os terminais Barra Funda ou Itaquera, carretas levando os trens até o pátio Belém 1 - e tudo isso já tem, acho, quase um ano.
Tudo começo quando observei alguns trens da linha azul na estação Belém, linha vermelha. Aquilo me deixava encucado. Mas a dúvida passava ao longo do dia, pois pensava em outras coisas. Sempre que eu descia na estação, logo via os trens na manutenção e a intrigava começava de novo. Caramba.
Desde desse dia comecei a vasculhar os túneis com mais minuciosidade. Posso dizer que foram meses de pesquisa, não virtual, mas sim visual daquele lugar.
Descobri que existe uma passagem que liga as linhas 1 (azul - sul-norte) e 2 (vermelha - leste-oeste). Essa passagem é somente para os trens e nunca teriamos acesso se não fosse por minha curiosidade.
Explico tudo a vocês: na saída da estação Sé, indo para a estação Dom Pedro, existe uma parede e quando termina essa parede começa a entrada ou saída dessa passagem. O mesmo acontece para quem vem da estação Liberdade (azul) para a Sé (central), neste caso o túnel sobe.
Sendo assim, os trens vêm e vão para qualquer lugar dentro dos limites do Metrô. Inclusive a linha verde, lá há uma passagem semelhante.

Lembrei desse episódio hoje e resolvi publicar. Quando passarem, por lá, prestem atenção. Vocês irão verificar.

Abraços da redação.

5 comentários:

  1. Oi Abner, estou longe de Sampa!!! Quem sabe se um dia eu for a São Paulo, eu passe por lá só para conferir! rsrsrsrs Fico feliz que o coração esteja batendo melhor! Estou seguindo, em frente, sempre em frente... Estou viva! Estamos vivos, né!
    Não vai mais poetizar? Vc tem orkut?
    Postei poesia nova! Beijaum bye

    ResponderExcluir
  2. Lembra um pouco jornalismo literário esse seu post xD

    www.papel40kg.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Gostei do post! Bem interessante! Eu tb adoro essas coisas de passagem secreta, labirinto, pensar pra onde vao os avioes depois que nao sao mais usados. É legal!!! Abrs!

    ResponderExcluir
  4. Rsrsrsr... Abner, obrigada pelas infos passadas aos amigos do blog... Mas senti um ar de " uauuuuu se não fosse por mim ". Bom, vc esqueceu que pra legião de Metroviários, existem.... Os filhos dos mesmos, amigos dos filhos, parentes em geral, ou seja.... Isso não eh um segredo absoluto que VOCÊ DESVENDOU... Não veja como crítica negativa... Apenas modere esse ar de Sabichão... Eu sou esposa de um Metroviário e claro... Tabm sei dos segredinhos do Metrô.. Claro, outra parte da população nem imagina...
    Mas eh soh pra vc refletir um pouquinho e tirar esse ar de Eureka... Tudo de bom pra ti.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que desmancha prazeres....

      Excluir